A alternância do diminutivo -inho/-zinho no Português Brasileiro: uma abordagem pela Fonologia de Uso

Share Embed


Descrição do Produto

Sendo um dos processos de construção de palavras extremamente produtivo no Português Brasileiro, as formações diminutivas X-inho e Xzinho já foram fonte de muitas observações ao longo da literatura, seja pelos estudos de cunho linguístico, seja pela tradição gramatical. De fato, no processo de formação de diminutivos por sufixação, a(s) forma(s) –inho/ -zinho podem anexar-se a quase todas as classes de palavras do léxico, exceto os artigos. Este estudo investiga a alternância do diminutivo –inho / -zinho, delimitando os seus respectivos contextos de aplicação e as motivações que promovem, em certos casos, a ocorrência simultânea dos referidos sufixos no Português Brasileiro. Mais especificamente, pretendese analisar a formação produtiva do diminutivo a fim de constatarmos se temos um único sufixo diminutivo ou se trata de dois processos distintos que dão origem, respectivamente, às formações X-inho e X-zinho. Os resultados e as discussões suscitadas neste estudo visam contribuir para uma análise mais esclarecedora a cerca do fenômeno apresentado, já que, por muitos anos,tornou-se um tema linguístico extremamente controverso e obscurecido pela morfologia derivacional.

A Alternância do diminutivo -Inho/-Zinho

A alternância do diminutivo -inho/zinho no Português Brasileiro

Maria Fernanda Barbosa Mestre em Linguística pela UFRJ (2012). Tem experiência na área de Linguística, com ênfase em morfologia e fonologia do português brasileiro, atuando, principalmente, nos seguintes temas: a aquisição de língua materna, com foco na emergência de morfologia derivacional, interface morfologiafonologia e processos de formação de palavras.

Maria Fernanda Barbosa · MyrianAzevedo de Freitas

A alternância do diminutivo -inho/-zinho no Português Brasileiro Barbosa, de Freitas

978-3-639-68972-3

uma abordagem pela Fonologia de Uso

Lihat lebih banyak...

Comentários

Copyright © 2017 DADOSPDF Inc.